Parque Nacional do Iguaçu

Tombado pela Unesco como patrimônio natural da humanidade em 1986 — o segundo parque nacional mais antigo do Brasil e o maior fora da Amazônia —, o Parque Nacional do Iguaçu estende-se por uma área de 185 mil hectares do lado brasileiro e 67 mil hectares do lado argentino. Embora seu valor ambiental e a beleza das paisagens vistas ali o façam um patrimônio sem fronteiras.Não é à toa que o parque é considerado uma das últimas reservas florestais da Mata Atlântica, e a maior reserva de floresta pluvial subtropical do mundo.A diversidade biológica do parque é retratada em números: são 257 espécies de borboletas, 18 de peixes, 12 de anfíbios, 41 espécies de serpentes, oito de lagartos, 340 de aves e 45 de mamíferos, atraindo a atenção de vários pesquisadores que ali encontram fonte para relevantes trabalhos científicos.O Parque Nacional do Iguaçu abriga em seu território espécies raras da fauna e da flora. São milhares de animais, muitos deles ameaçados de extinção, como a onça-pintada, o jacaré-de-papo-amarelo, algumas espécies de aves bem raras, como a jacutinga, o gavião harpia e o papagaio-de-peito-roxo. A flora também é bastante diversificada. Há espécies que chegam a atingir 30 metros de altura, como a timbaúva, o cedro, a peroba e os ipês, além das delicadas orquídeas e bromélias.Horário de funcionamento:No verão, de segunda-feira a domingo, das 9h às 18 horas. No inverno, de segunda-feira a domingo, das 9h às 17 horas.


Compartilhe este conteúdo com seus amigos

Outros atrativos


Desenvolvido por: BitStorm ®

Aguarde