fbpx

Carta Verde Seguro || Tudo o que você precisa saber

Carta Verde

Carta Verde Seguro || Tudo o que você precisa saber

Muitas pessoas estão querendo ir para a Argentina depois da reabertura da ponte, mas a maioria não sabe o que é a Carta Verde, que é essencial para quem dirige.

Por isso, o Tarobá Hotel preparou uma matéria especial para os viajantes que querem conhecer o país vizinho.

Afinal, não é todo dia que você pode dirigir em dois países. E para isso você vai precisar estar a par dos seguintes tópicos:

  • O que é a Carta Verde?
    • Outros documentos necessários
    • Coberturas do seguro
    • O que o seguro não cobre
  • Como tirar a Carta Verde?
    • Custo do documento
  • O que fazer na Argentina
    • Cataratas da Argentina
    • Feirinha
    • The Argentine Experience
    • Cassino Iguazú
    • Duty Free

Veja também:

> Reabertura da Ponte Tancredo Neves

Carta Verde
Imagem Ilustrativa || Via Envato Elements

O que é a Carta Verde?

Para definir em uma palavra e te ajudar a entender melhor, a Carta Verde é um seguro.

A Carta é um documento obrigatório para aqueles que vão dirigir em países do Mercosul (Argentina, Paraguai e Uruguai).

A função dela é indenizar terceiros em caso de acidentes.

Claro, é sempre importante lembrar de viajar de forma segura e atentar-se a tudo o que está ao seu redor, principalmente quando você não conhece a cidade.

Contudo, ainda assim imprevistos podem ocorrer e é para esses casos que a Carta Verde existe.

Veja também:

> Seguro de viagem

> O que levar na mala

Carta Verde || Outros documentos necessários

A entrada da Argentina é a mais rigorosa entre os países da Tríplice Fronteira, mas não se preocupe que eu vou te ajudar.

Além da Carta Verde, você vai precisar estar portando alguns documentos fundamentais como o RG, CPF e o documento do carro, claro.

Há algumas regras e restrições sobre todos os documentos necessários para passar pela fronteira, por isso veja essa matéria completa desse assunto.

Coberturas do seguro

Primeiramente, vale lembrar que a Carta Verde vale apenas para indenizar ou reembolsar o terceiro, não a si mesmo.

O seu próprio veículo deve contar com seu próprio seguro nessas situações, apesar disso não ser um requisito para entrar nos países vizinhos.

Então, agora vamos saber exatamente tudo o que a Carta Verde cobre.

Ao todo, são três itens que podemos citar aqui, que são danos materiais e danos corporais causados a terceiros e custos judiciais.

Ou seja, independentemente se o prejuízo for grave ou não, a quantidade gasta será coberta pelo seu seguro.

Além disso, o pagamento dos honorários do advogado de defesa e as custas judiciais também serão cobertas pela Carta.

Esse documento é de extrema importância e é possível utilizá-lo em quase todas as circunstâncias.

Exatamente, quase todas. Isso porque há alguns casos que o seguro não cobre.

Vamos descobrir?

Veja também:

> Cataratas da Argentina

> Comidas típicas da Argentina

> La Mansa Paraguai

O que a Carta Verde não cobre

Assim como tudo na vida, há situações em que não existe uma proteção, ou um seguro. Com a Carta Verde não é diferente.

Se você tiver consumido algum tipo de bebida alcoólica ou drogas ilícitas, saiba que o seu documento não vai te ajudar nem um pouquinho.

Muito menos se o veículo estiver envolvido em alguma prática ilegal, como apostas, rachas, vandalismo e outros.

Claro, além do seguro não cobrir, uma multa salgada vai entrar nas malas da sua viagem.

Veja abaixo uma listinha de outras situações que o seguro não cobre:

  • Motorista sem habilitação legal para condução do veículo;
  • Danos materiais e corporais causados a si ou a quem estiver em seu veículo;
  • Danos causados devido a excesso de capacidade, volume, peso ou dimensão da carga;
  • Danos a pontes, balanças, viadutos e estradas.

Lembre-se de que a segurança deve estar sempre em primeiro lugar. Por isso, se beber não dirija e esteja sempre dentro das regras de trânsito do país que visitar.

Carta Verde
Imagem Ilustrativa || Via Envato Elements

Como tirar a Carta Verde?

Para tirar a sua Carta Verde é bem fácil, caro leitor. Até porque quem faz todo o processo não é você, sua função é apenas levar sua CNH, o documento do carro, solicitar e pagar por ela.

Mas onde solicitar o documento?

Há vários lugares onde você pode pedir sua Carta, como casas de câmbio, seguradoras, corretoras e até mesmo alguns postos de gasolina.

Contudo, aqui vai uma dica super importante: cuidado com falsificações.

O mais confiável é você adquirir com uma corretora, principalmente uma de sua confiança. Porém, se você não sabe aonde ir, é recomendado que você pergunte a alguém que você conheça que já adquiriu alguma vez e vá no mesmo local que ela.

Há uma autorização dessa carta para ser validado e elas normalmente são adquiridas em corretoras de seguro, por isso a dica.

Ah, em hipótese alguma aceite uma Carta Verde que não seja verde. Como o próprio nome já diz, o documento é impresso em um tom específico de verde.

Em outras palavras, qualquer documento que não esteja nessa cor já deve ser desconsiderado.

Outro modo de verificar se a Carta é válida é ver se consta nela a data de início e fim, o nome e número de onde você fez e as especificações da SUSEP, a Superintendência de Seguros Privados.

Custo do documento

Você provavelmente está se perguntando qual o valor disso tudo, principalmente por ser um item importantíssimo.

Tudo vai depender de quanto tempo você pretende ficar na Argentina ou se você vai com frequenta para o país vizinho.

Mas chega de enrolação, vamos ao que interessa.

O prazo da Carta, como disse, depende da quantidade de dias que você comprou. O mínimo são 3 dias e custam em torno de R$ 48,00 a diária.

Os preços por diária vão diminuindo conforme o tempo total do seu seguro, então dependendo disso, talvez seja mais interessante você comprar com validade para um ano.

Nesse caso, o valor é em torno de R$ 430,00.

Na hora que for retirar seu seguro, veja o que melhor convém a você, especialmente se for fazer várias viagens no mesmo ano, pois se fizer os cálculos vai perceber que o anual compensa bem mais do que o de 3 dias, por exemplo.

O que fazer na Argentina

Como você está pensando em visitar a Tríplice Fronteira, cabe a nós apresentar a você alguns passeios que você pode estar fazendo por lá.

Então vem com o Tarobá que a gente te apresenta o melhor de Puerto Iguazú.

Para ver uma matéria completa sobre os passeios da Argentina, acesse aqui!

Carta Verde
The Argentine Experience || Cedida pelo local

Cataratas da Argentina

Esse é para aqueles que já conhecem ou não as Cataratas do Iguaçu no lado brasileiro e que gostam de estar em contato com a natureza.

A maioria das quedas estão daquele lado e por isso o passeio por lá é bem maior, sendo necessário mais de um dia de visita para conhecer tudo.

Dentre eles você pode ver a Garganta do Diabo, as Cataratas por cima e por baixo, fazer trilhas e muito mais.

Quer saber tudo sobre o lado de lá? Clique aqui e descubra!

Feirinha

Com certeza a feirinha de Puerto Iguazú não pode faltar em nossa listinha.

São diversos vinhos, especiarias, temperos, doces de leite, alfajores, queijos e tudo de bom que atraem os visitantes de todos os lados da Tríplice.

Além disso, ainda tem pastéis e salgados maravilhosos para você comer lá. Muitos moradores de Foz do Iguaçu atravessam a ponte apenas para degustar dessas comidas.

Quer saber mais sobre a feirinha? Não se preocupe que temos uma matéria completa.

The Argentine Experience

Se você gosta de cozinhar, aqui está um lugar ideal para você. Mesmo se você não tiver muita experiência de pôr a mão na massa, literalmente, vai gostar. 

The Argentine Experience é um restaurante interativo onde os clientes cozinham seus próprios alimentos com a ajuda dos chefes da casa.

É um lugar que promete trazer alegria e diversão para todos, sem contar os prazeres da degustação.

Cassino Iguazú

Jogos, amigos e curtição,  Essas 3 palavrinhas atraem qualquer um e podem ser encontradas em um só lugar.

Como na Argentina é permitido os famosos “jogos de azares”, muitas pessoas vão até lá para aproveitar tudo isso.

O Cassino Iguazú se encontra perto da ponte e garante diversão para todos. Só vale lembrar que para este atrativo é necessário ser maior de idade.

São mais de 30 jogos famosos no mundo todo e com prêmios progressivos, além da área VIP e salas de torneio. 

Duty Free

Agora, quem não gosta de fazer uma comprinha? Ainda mais com um preço bom em produtos internacionais.

O Duty Free Puerto Iguazú possui diversos departamentos como casa e decoração, comida, cosméticos, moda, eletrônicos e muito mais.

O interessante do Duty Free é que para acessá-lo não precisa passar pela ponte, pois sua entrada fica antes da Aduana.

Assim, você pode garantir sua comprinha e seus presentes de forma segura e econômica.

Carta Verde || Conclusão

E aí, gostou da nossa matéria? Então deixe seu comentário e mande para todos seus amigos e familiares.

Afinal, você não vai querer um imprevisto em sua viagem internacional, não é mesmo?

Aproveite para acessar nossas redes sociais e nosso blog para ficar por dentro de tudo o que está acontecendo em Foz e região.

Ah, e quando vier pra cá, lembre-se de se hospedar no Tarobá Hotel assim como o Otávio Pichirillo.

Escrito e publicado por Diego Brito

Veja também outras matérias:

> Novidades no Tarobá Hotel

> Live #CurtaFoz

> Natal em Foz do Iguaçu

> Black Friday 2021

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

8 − 5 =

0
    0
    Carrinho
    Seu carrinho está vazioVoltar para loja